Seis opções de investimentos para 2016

Conheça alternativas para aplicar seu dinheiro em tempos de crise

Um momento difícil para a economia pode ser a oportunidade que faltava para você encontrar uma boa alternativa de investimento. Em épocas de dificuldades financeiras para o país, qualquer quantia sobressalente no orçamento deve ser muito bem explorada, criando possibilidades de geração de renda e segurança para o futuro.

 

Atualmente, a falta de emprego figura como um dos principais desafios do cenário sócio-econômico brasileiro. Com mais de 11 milhões de desempregados, o país passa por um momento de instabilidade e preocupação em relação aos próximos passos da economia. A situação, porém, também pode ser vista pela ótica da diversidade e da busca por chances diferenciadas para quem vê, na crise, um espaço de crescimento.

 

A alta taxa de desemprego reflete no aumento do número de brasileiros que abrem seu próprio negócio. Segundo a pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) patrocinada pelo Sebrae, a taxa de empreendedorismo no país cresceu significativamente nos últimos anos, passando de 20,9% para 39,3% entre 2002 e 2015.  Ao mesmo tempo, diversos trabalhadores que perdem seu emprego se veem diante de um montante considerável de dinheiro e busca opções para fazê-lo render.

 

Outro resultado da crise é a redução dos rendimentos da poupança, uma das opções mais buscadas pelos brasileiros na hora de investir. Retrato da conjuntura econômica e da busca por trabalho e segurança financeira, muitas pessoas passam a pesquisar novas alternativas rentáveis de investimento, que forneçam soluções para o cenário de retração. Para ajudar na hora de escolher a melhor opção para fazer seu dinheiro render, separei 5 opções de aplicações financeiras que podem gerar retornos significativos, mesmo em época de adversidades.

 

Tesouro Direto

Entre os investimentos de menor risco e complexidade, o Tesouro Direto é um programa de venda de títulos públicos emitidos pelo governo brasileiro. Basicamente, é como se o governo pegasse certa quantia em dinheiro emprestada e devolvesse o valor acrescido de juros. Entre as vantagens do Tesouro Direto está a liquidez diária, que é a possibilidade de venda dos títulos no dia que o investidor desejar e a possibilidade de investir com menos de R$ 30,00. O processo de investimento é simples e exige apenas uma corretora e uma conta bancária, além de ser permitido começar a aplicar com valores baixos. Diante da situação atual, figura como uma opção interessante de investimento, uma vez que a taxa básica de juros e a inflação – bases para o cálculo de rendimento – estão altas.

 

Letra de Crédito Imobiliário (LCI)

Também conhecida como CDB Imobiliário, as LCIs são títulos de renda fixa emitidos por instituições financeiras para financiar empreendimentos imobiliários. Investimentos de baixo risco, as Letras de Crédito Imobiliário podem ser compradas por qualquer pessoa física e têm a remuneração calculada pelo índice de inflação e por uma taxa de juros prefixada. Entre suas vantagens estão os valores acessíveis para iniciar a aplicação, a possibilidade de resgate após 90 dias, a isenção fiscal e o fundo garantidor de crédito do Banco Central do Brasil de até R$ 250.000,00, caso a instituição financeira passe por problemas. LCI é uma opção de fácil aplicação, indicada para investidores que tenham mais de R$ 30.000,00 disponíveis em um prazo médio.

 

Certificado de Depósito Bancário (CDB)

Boa alternativa à poupança, os CDBs apresentam baixo risco e podem chegar a render até o dobro da caderneta. No caso dos Certificados de Depósito Bancário, é como se o investidor estivesse emprestando seu dinheiro ao banco e, ao fim do período de empréstimo, o recebe de volta com um valor agregado. Os CDBs podem ser tanto pré-fixados (quando uma taxa fixa de juros incide sobre o investimento) ou pós-fixados (quando o rendimento varia de acordo com os índices econômicos). As condições variam de acordo com o banco emissor, mas normalmente já é possível aplicar a partir de R$ 100,00. Entretanto, o investimento é mais indicado para investidores que possuem quantias aproximadas de R$ 40.000,00 e possam esperar pelo menos dois anos para resgatar a aplicação.

 

Aplicação na Bolsa de Valores

Investir na bolsa significa comprar ações e passar a ter participação em empresas. Para reduzir seus altos riscos, a atividade exige conhecimento no ramo e domínio de alguns processos, mas com poucos recursos já é possível começar a investir. As ações podem render a partir dos lucros que a empresa receber ou da venda das ações quando elas estiverem valorizadas; ambas as situações não são garantidas e estão sujeitas a diversas variáveis. Para iniciar a aplicação na Bolsa de Valores, é preciso contar com a ajuda de uma Corretora de Valores, que pode ser independente ou ligada a uma instituição financeira. Outra alternativa são os Fundos de Investimento, geridos por especialistas que ajudam os investidores a encontrar as melhores opções de compra e venda de ações.

 

Aquisição de imóveis

Com exceção de poucos municípios brasileiros, o setor tem passado por uma grave crise. Houve redução nos lançamentos, aumento dos estoques e, por fim, diminuição na venda dos usados. Isso fez com que os preços despencassem, gerando um bom momento para investir, desde que o investidor possua uma quantia relevante e possa aguardar a recuperação do mercado. Optando por essa opção, saber negociar e ter os cuidados básicos para a compra fazem toda a diferença na hora de colher os resultados.

 

Aquisição de franquias

A escolha de ter o próprio negócio pode ser uma boa opção para investir seu dinheiro guardado, explorar um talento e criar uma atividade em meio ao cenário de crise. Nos últimos anos, o setor de franquias tem crescido no Brasil, o que comprova que a opção vem sendo procurada por diversas pessoas em busca de ganhos e crescimento no mercado. A atividade exige certa quantia inicial para aquisição da marca e da estrutura (a partir de R$ 1.500,00 já é possível adquirir uma franquia), além de conhecimentos e planejamento para saber como dar continuidade ao negócio e quando esperar o retorno do investimento. Outro fator importante é a escolha do tipo de franquia: selecionar a melhor opção de acordo com seu perfil pode ser determinante para o sucesso da empreitada. Assim, o suporte de uma consultoria em franchising pode ser de grande ajuda desde a fase de pesquisa até as decisões comerciais, financeiras e de marketing.

 

Em tempos de crise, ter dinheiro guardado é um diferencial que pode impulsionar uma ideia ou um projeto. Qualquer investimento, porém, deve ser feito com cautela e com certo nível de diversificação. Para reduzir os riscos e assegurar resultados mais significativos, nunca deixe de contar com profissionais e empresas especializadas, que podem indicar os melhores caminhos e ajudar a selecionar as melhores opções de aplicação para seu perfil de investidor.